16.3.06

Da distância dos amigos.

Aos amigos distantes, a certeza de que em cada gesto meu há um punhado de saudade. Conservo sua imagens, seus sorrisos, seus abraços. Meus amigos, quando longe, dormem no imaginário afeto.
E é nesta lembrança que o homem se faz maior, imune à estupidez que cerca o mundo, na morada do respeito aos semelhantes. Aos amigos errantes, a convicção de que as pedras, mesmo paradas nos montes, rolarão com a chuva, serão partidas pelo tempo e um dia se encontrarão, no vértice das coisas não ditas.
Estão comigo os homens exploradores das sombras que cercavam meu peito. Eles arrancaram a luz, entre copos, porções de amendoim e música, eles deram vida ao que padecia sob a poeira dos velhos discos, eles ouviram delírios, consolaram a dor, aplacaram a angustia, relevaram os tropeços de alguém desacostumado a medir o que dizia. Nossa filosofia de calçada iluminou o bairro portuário, jaraguá de tristes figuras, praça rayol fortaleza bendita. Somos os loucos da Rayol Square e qualquer acorde dissonante, de viola furada ou pífano afônico, nos trará de volta ao que na verdade nunca deixamos.
a todos os que apareciam na janela quando tudo parecia pequeno demais.

5 De lírio(s):

Blogger 5 ...

NÓS SOMOS "O LOUCO DA RAYOL SQUARE"!

o mito místico, o condíviduo da realeza, da nobreza das calçadas. das músicas esbaforidas na fumaça, das bebidas cantadas entoadas.
das partidas.
das chegadas.
das queridas.
das quebradas.
da felicidade enraizada na pisada do cotidiano.

16 março, 2006 12:24  
Blogger .anA ...

A coisa mais bonita posta neste blog.

:*

16 março, 2006 15:54  
Blogger 5 ...

concordo plenamente, ana!

16 março, 2006 16:17  
Blogger mabem ...

DIZEM QUE SOU LOUCO... NA RAYOL SQUARE...

bendita hora que ofeguei estes versos, saindo do banho correndo, meio de toalha, meio emsaboado... acordando-me nos acordes vindos dos poéticos dedos do REDONDANTE 5...

vlw canário... a chama continua acesa e nós continuamos LOUCOS DA RAYOL SQUARE

16 março, 2006 20:05  
Anonymous erika ...

eu sinto saudade.

29 março, 2006 13:06  

Postar um comentário (Comentar)

<< Início