30.5.05

The Godfather - Il Padrino - O Poderoso Chefão

Uma macarronada fabulosa preparada pelo Jr. Negão, amigos aconchegados em uma mesma sala, birita, cigarros, sorvete, pipoca e o mais importante, a trilogia de "O Poderoso Chefão".

Santo domingo sem precisar olhar para a cara do Faustão. Louvados sejam os meus amigos por compartilharem do prazer de um dia tão sossegado. Abençoados sejam Marlon Brando, Al Pacino, Robert DeNiro e Francis Ford Coppola e não nos esqueçamos de Mario Puzo, o autor do grande livro sagrado. Que toda tecnologia do mundo seja empregada de forma tão simples como uma tarde de carinhos e aconchegos de uma garota tão bela. Salvem as novas mídias hi-tech e o fim da lei seca. Ode ao antro antropofágico do nosso senhor rapper alagoano, Vitor Pirralho.

O tempo não nos deixou assistir à 3º parte da trilogia, mas logo findaremos isso. Deixo abaixo algumas curiosidades sobre os filmes, boa noite a todos e... Forma de um Jegue de Gelo!!!


- Marlon Brando, que ganhou o Oscar por sua interpretação como Don Vito Corleone, se recusou a receber sua estatueta em protesto à discriminação feita pelo governo e por Hollywood aos índios americanos. Além de não comparecer à cerimônia de premiação, Brando enviou em seu lugar uma atriz que se fez passar por uma índia americana, de nome Sacheen Littlefeather.

- O papel de Michael Corleone fora oferecido inicialmente a Warren Beatty, Jack Nicholson e Dustin Hoffman, mas todos o recusaram. Somente após Al Pacino foi escolhido para o papel.

- Robert DeNiro fez testes para os papéis de Sonny e Michael Corleone, mas não conseguiu nenhum dos dois personagens. Acabou se tornando Don Vito Corleone no segundo filme, interpretando o mesmo em seu início de "carreira".

- Um dos cotados para o papel de Vito Corleone foi Laurence Olivier. Frank Sinatra também esteve cotado para fazer parte do elenco, no papel de Johnny.

- Durante a cena em que Johnny (James Caan) e Carlo (Gianni Russo) brigam, Caan realmente quebrou algumas costelas de Russo.

- Francis Ford Coppola e Mario Puzo, autores do roteiro do filme, evitaram a todo custo utilizar a palavra "máfia" nos diálogos dos personagens.

- A presença de laranjas nos três filmes da série O Poderoso Chefão sempre indicava que alguém ia morrer ou que iria ocorrer algum atentado.

Fonte: Adoro Cinema

7 De lírio(s):

Anonymous Carol ...

Bela mesmo...cuida dela hein! Cunhadinho! :P

30 maio, 2005 22:07  
Blogger mabem ...

;)

30 maio, 2005 22:44  
Blogger mabem ...

respondendo sua pergunta, meu grande amigo 5ync, eu não gosto de lhe fazer inveja, na verdade, pensei em vc o tempo todo e em como seria legal vc compatilhado daquilo conosco, pois sei q vc tb é umm afim.

30 maio, 2005 22:57  
Anonymous Anônimo ...

Forma de um jegue!

Puta q pariu tatuzinho,
o segundo é ou não melhor que o primeiro?

QUEM DEU A IDÉIA DE ASSISTIR??
QUEM? QUEM? QUEM?

PARA BOM ENTENDEDOR CHUVA É PRENÚNCIO, NÃO PRECIPITAÇÃO.

FORMA DE GELO!

31 maio, 2005 12:43  
Blogger mabem ...

FORMA DE JEGUE!!!

hehehehe...

pow irmão, confesso q gostei dos dois ó... o legal do segundo é a passagem de tempo, adoro filme assim, mas confesso q tenho que assisiti-lo novamente, achei q desejou um pouco a desejar, mesmo sendo muito bom, já o primeiro quase não tem defeito...

;)

31 maio, 2005 13:04  
Blogger mabem ...

esqueci de dar créditos a dvdteca do tainazinho... mas tem nada não, já que o mesmo esqueceu dos crédtios das minhas fotos... hauhauha... ;)

31 maio, 2005 13:07  
Blogger 5 ...

:(

31 maio, 2005 20:09  

Postar um comentário (Comentar)

<< Início