4.3.05

O futuro é logo ali

Minha aversão às faculdades não é nenhuma novidade. Uma instituição falida ideologicamente e no caso das públicas, também financeiramente. Mas não é do descaso governamental que tratarei.
Há inversão de valores, a busca do saber e a realização da curiosidade invidual não são mais os objetivos. É culpa do nosso sistema? De fato, sim. Os seres que lá habitam, procuram apenas uma maneira de sobreviver com mais conforto neste mundo selvagem, onde nada é pra já mas tudo é pra ontem. Salas lotadas de não-pensantes, procurando entender aquilo que não os atrai. Dinheiro, é disso que estão atrás. Então vamos! Rápido, vestibular, o importante é que dê dinheiro. Eu também quero meu diploma, mas não dessas merdas que não provam nada. Serei o perdedor, lixo extraordinário.
Desde que me conheço por gente (se assim sou), os métodos e a concepção de ensino nesta várzea, são pra lá de inúteis, autoritário. Não se aprende, não se treina o raciocínio, o pensamento crítico é papo furado. Vamos decorar tudo!! A nota é importante, o interessante é VENCER o jogo.
É claro, que há distinções e exceções. Nas faculdades públicas, mesmo que em ruínas, encontraremos pessoas com interesses e objetivos, claro, raras.
É culpa do sistema? Ou estamos todos perdidos, sempre comprando, lutando pra consumir aquilo que só usaremos até a semana que vem? Status Quo? Pensamento cristão? Dá-lhe MIX de tudo isso daí e mais um pouco.

Não é lá que irei. Não consegui concluir meu pensamento. Seria mais fácil numa mesa, com uma cerveza ou qualquer outro aditivo social. Enfim. Vou estudar música, aprender técnicas de agricultura e morar no mato. Ter filhos.

1 De lírio(s):

Blogger mabem ...

as universidades públicas federais... em toda sua majestuosa precariedade... tem dentro dela... tres outras univesidades

em seu próprio texto, acredito ter exemplos claros de duas delas...

pense bem ;)

05 março, 2005 02:43  

Postar um comentário (Comentar)

<< Início