9.3.03

vivo ao fim do mundo

a vida é punk
viva quem puder
aguente a punhalada
sorria o quanto quiser
mas ainda viro o jogo sobre a mesa
ilusão não é fantasia
mas ataque é defesa
já mais adulto
o tempo também é mercúrio
e é o grande patrocinador
desse meu plano absurdo
rir melhor quem rir por último
e amizade paga tudo
sobrevivo ao fim do mundo
e viverei cada minuto
como se fosse o último
e o melhor é saber
que quando minha hora chegar
já sei quais pessoas
não quero chorando ao meu túmulo

0 De lírio(s):

Postar um comentário (Comentar)

<< Início